(86) 3131-1234
***

RETRATO 3X4 DE UMA PESSOA 100X100

Pedro Coimbra: um engenheiro do diagnóstico por imagens e da ortopedia

Não se deixe enganar pelo jeito tímido deste ortopedista. Em 10 minutos de conversa é possível arrancar-lhe boas histórias, dar algumas risadas e perceber a personalidade carismática deste nosso colega que tem o trabalho como lema em sua vida!

Tamanho da letra:
A
A
Publicado em: 18 de maio de 2007

Um olhar de águia e uma precisão que só possui quem não pára de estudar e praticar são características indispensáveis a um médico que trabalha com diagnósticos por imagem. Agora, se a esses pré-requisitos juntarmos responsabilidade, bom-humor e simpatia, teremos as qualidades mais marcantes do nosso entrevistado: Dr. Pedro Coimbra, médico ortopedista da equipe Med Imagem.

O fera - que se tornou ortopedista depois de fazer residência médica em Recife (PE) - responde pelo nome completo de Pedro Ursulino Moura Coimbra. Natural de Elesbão Veloso, é casado e tem dois filhos. Não tem problema em falar sua idade. Aliás, para ele, já se foi o tempo em que ter 42 anos era algum sinal de velhice. Ele assume e afirma que a alegria do seu dia-a-dia só mudou para melhor com o passar dos anos.

Paixão: "A imagem, já não sei se consigo largar"
Pedro Coimbra é o ortopedista responsável pelo setor de ressonância magnética da Med Imagem. Além disso, coordena o setor de diagnósticos por imagem, que utiliza as tecnologias mais avançadas da atualidade.

Formou-se em Medicina em 1987, pela Universidade Federal do Piauí, mas esta nem sempre foi sua meta. Aliás, por algum tempo, a Medicina correu o risco de perder esse excelente profissional para a Engenharia Civil. Mas a ortopedia, não deixa de ser, de certa forma, um tipo de engenharia. E foi por aqui que o Portal Medplan começou um conversa descontraída, e que vale a pena conferir, com esta figura.

 

Portal Medplan - O senhor sempre quis ser médico?

Pedro Coimbra - Na verdade, quando eu era mais jovem, pensei em fazer o curso de Engenharia civil. Eu tinha um padrinho que era engenheiro civil. Vivíamos naquela época de milagre econômico, todo mundo construindo cidades, estradas, então eu era encantado com aquilo. Mas quando me tornei estudante secundarista, passei a ter mais contato com a biologia e foi nessa época que despertei para a Medicina. Creio que foi vocação mesmo.


Portal Medplan - Como o senhor passou a fazer parte da equipe do grupo Med Imagem?

Pedro Coimbra - Foi a convite do Doutor Cerqueira. Em meados de 1998 o grupo fez a aquisição de um aparelho de ressonância magnética. O equipamento era uma novidade ainda. Então, ao aceitar o convite, passei algum tempo em Brasília fazendo cursos para trabalhar com o aparelho. E estamos aqui até hoje.


Portal Medplan - O senhor trabalha com os equipamentos mais avançados em sua especialidade. De acordo com sua experiência, qual é a importância da tecnologia na medicina e até que ponto a medicina depende exclusivamente dela?

Sem a vocação, nenhum trabalho é bem feito
Pedro Coimbra - A tecnologia está cada dia mais presente e mais forte em nossas vidas. Seja a internet em casa, ou por meio dos veículos de comunicação, em todos os campos do conhecimento humano. A medicina não fica de fora disso. Ela busca aprimorar diagnósticos, e essas tecnologias que utilizamos nos permite programar um tratamento mais efetivo.


Portal Medplan - Mas ela descarta a relação médico-paciente?

Pedro Coimbra - A relação médico-paciente é tudo em Medicina. Não se pode, apesar de toda essa tecnologia, exercer uma medicina apenas técnica. É um risco, mas não pode ser assim.


Portal Medplan - Trabalhar tanto com diagnóstico não atrapalha sua atividade de cirurgia ortopédica?

Pedro Coimbra - Gosto muito do que faço. Sinto-me realizado, mas de certa forma dividido, por conta da ortopedia sim. Sinto-me muito bem realizando cirurgia ortopédica, mas esse trabalho com a imagem já não sei se consigo largar.


Portal Medplan - Alguma busca profissional ainda o inquieta?

Pedro Coimbra - O profissional tem que buscar sempre a evolução. Nunca ficar parado e buscar melhorar seu serviço, aperfeiçoar o que faz. Eu sou assim.


Portal Medplan - É esse o mesmo recado que o senhor deixa para os jovens que se tornam profissionais da Saúde cada vez mais novos?

Pedro Coimbra - O fundamental é a vocação médica. O médico é médico 24 horas por dia e como toda a profissão, você tem que gostar e amar o que faz mais do que entrar nisso esperando exclusivamente a recompensa financeira dela. Sendo assim, com perseverança e trabalho o sucesso profissional acontece naturalmente.


Portal Medplan - Mesmo com as responsabilidades da profissão, deve sobrar algum tempo livre. O que o senhor faz quando isso acontece?

Pedro Coimbra - Quando não estou no trabalho me dedico à minha família, filhos, amigos. Além disso gosto de cinema também. Do mesmo jeito que uma boa leitura. Quando o tempo livre é maior, sempre que posso pego minha esposa e filhos e fujo para uma praia mais próxima. Gosto de viajar para o Ceará também... Ah! Também tem a ovinocultura. Digo que isso é uma outra paixão minha. A nossa família tem uma pequena fazenda no interior e eu me dispus a começar essa criação de ovinos. Estou curtindo a natureza e os animais...


---Rápidas---

Uma Meta: Educar bem meus filhos

Uma Personalidade: Meu avô, Seu Raimundo, conhecido como "Nenoso Moura", de Elesbão Veloso

Uma Imagem: O pôr-do-sol no meu "pezinho" de serra...

Uma Alegria: Minha esposa e filhos

Trabalho é sinônimo de... Prazer

Ser médico é ser... Um trabalhador da Saúde

Uma conquista: A formatura em Medicina

Livros: Livros de história. Gosto de biografias. Gostei muito da biografia de Alexandre, O Grande

Um lema em sua vida: "Trabalhar!"

Comentários

Nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!





Deixe seu comentário

Nome*
Email*
Verificação*
Seu comentário*