oiaqui
fale livremente,
você não precisa se identificar

10.053.771
Acessos

39.579
comentários

9.436
respostas

Mensagens e comentários que contenham termos vulgares e palavrões, ofensas, ou que sejam incompreensíveis serão excluídos.

#30891
22/05/2017
#30891
22/05/2017
23/05/2017
Não, não tenho medo da morte. Mas prefiro não estar por perto quando ela chegar.
3 curtidas (Curtir)
#30885
22/05/2017
23/05/2017
El Greco, Goya, Bruegel (o velho), revolucionaram na Europa a arte da pintura com o movimento que se chamou "expressionismo", ali por volta de 1895 a 1905. Dá uma olhada nos quadros desses 3 gigantes, e vê se tu consegues conter as emoções!!
Gauguin, Cézanne e outros gênios causaram outra explosão cultural europeia com suas pinturas emocionantes num corrente que recebeu o nome de Fauvismo, também ali no comecinho do século 20.
Um bando de loucos geniais e autodestrutivas lançou, na França, na Suiça e na Itália, obras chocantes, inquietantes, com movimentos que foram denominados de Dadaísmo, Cubismo, Surrealismo e Futurismo, também aí por essa época (1903/1908).

Enfim, movimentos culturais profundamente renovadores, destruidores da antiga arte, surgiram, na Europa, no final do século 19 e começo do século 20, anunciando (como sempre fazem os movimentos culturais autênticos) a revolução política e social que ali ocorreria logo em seguida. Afinal, em 1914 iniciou-se a Primeira Guerra Mundial e em 1917 explodiria a Revolução Russa - eventos que sepultaram para sempre as antigas classes sociais e a velha ordem econômica em toda a Europa: a luta de classes sociais subiu ao palco, o nazismo e o anti-semitismo mostraram seus dentes assombrosos e a Europa deu adeus às suas ilusões.
Enquanto isso, aqui no Brasil, desde sempre uma colônia econômica e cultural da Europa, uns almofadinhas desocupados, dândis, filhos das parasitárias elites paulistanas, imitadores baratos de tudo que surgia na Europa (das roupas aos poemas) resolveu macaquear, com um atraso de 15 anos, com uns pálidos decalques, grotescas e ilienadas colagens, aquilo que lhes chegava do além mar. A enorme diferença é que, enquanto os intelectuais europeus incendiavam o antigo mundo com sua arte explosiva e por ela eram consumidos, por aqui um punhado de bambis acendia seus charutos, bebericando cidra e recitando Manuel Bandeira, em seus estéreis convescotes.

Em resumo: a Semana de 22 nada mais foi que uma mistura de imitação barata, tédio e pó de arroz. O antes dela, ao contrário do que ocorreu na Europa, é a cara do depois.
7 curtidas (Curtir)
#30858
21/05/2017
Bom dia.
Dr.Cerqueira, minha mãe está internada pela segunda vez aqui no hospital São Pedro.
O quadro dela é de um AVC isquemico faz dois meses.Diabética e hipertensa.
Internou dia 18/05 a noite.
Com um quadro de infecção urinária e pneumonia.
Quero primeiramente agradecer essa oportunidade de estar podendo manter um contato direto .
Ela está sendo acompanhada bem, pelo médico.

Mas quero aqui expor a insatisfação da família:
1)a lentidão do atendimento dos postos de enfermagem, principalmente no que diz respeito a troca de fraldas da paciente. Sei q nos da família temos a função de fazer isso, no entanto ela é idosa ,com 80 kg. E somente 1 acompanhante mal consegue fazer isso.
Bem o que quero dizer é a lenítidão nesse atendimento.
Não sei se por falta de pessoal ou má vontade.
Pra dar banho a mesma coisa, ficamos esperando quando alguém pode ajudar a retira-la da maçã e colocar na cadeira de banho.


2)segundo ponto foi a espera pela internação, chegamos no dia 18 as 17h.É somente as 21h, conseguimos o resultado dos exames pra o médico avaliar e internar.
Penso que deve se dar prioridade ao atendimento a uma idosa 82 anos,com febre e dores .

3)sabemos que ela não é a única nessa condição, no entanto seria mais acolhedor pra ela e a familia estar tendo um pouco de conforto e segurança em quanto se está com ela internada.Pois temos que estar a todo momento, requisitando q o óbvio seja feito. Até mesmo a limpeza e retirada do lixo dos apartamentos e ajuda na troca das fraldas.
Ontem até ouvi uma gracinha de um funcionário quando fui pedir ajuda pra troca-lá.

"Que bom ,acompanhante bom é que não dá trabalho".
Passei a me questionar:é isso que a família e paciente merecem ,ao estar com sua jóia mais rara (mãe )ao necessitar de atendimento ?

Bem quero aqui deixar o nosso abraço. Dizer que sabemos do seu compromisso e de boa parte da equipe deste hospital. Mas infelizmente existem funcionários que precisam em primeiro lugar gostar de gente ,pra realmente poder estar cuidando de alguém.






1 curtida (Curtir)
#30858
21/05/2017
21/05/2017
Cara cliente, estou lendo sua mensagem num domingo, ao meio-dia. Vou ligar agora para a equipe de plantão no Hospital São Pedro. E amanhã (segunda) estarei aí, bem cedinho, para servir o café da manhã à sua mãe. Vamos corrigir o estiver errado. Qual é o nome do apartamento no qual sua mãe está Internada?
6 curtidas (Curtir)
#30414
02/05/2017
08/05/2017
Pois lapeia logo o nome dessa bruta no Oiaqui, vai. Cria coragem, mermã!!
6 curtidas (Curtir)
#30855
20/05/2017
20/05/2017
Eita taí uma pergunta difícil, pois as doenças auto-imunes são as mais complexas de todas. Até mesmo os médicos - a maioria deles - não tem a compreensão do que elas vêm a ser. E você propõe que eu lhe explique, pelo oiaqui, os resultados dos exames para diagnostico dessas enigmáticas enfermidades!!! 😐
Vamos lá, vou tentar:
As doenças auto-imunes são também chamadas de doenças de auto-agressão. Ou seja, doenças nas quais o organismo da pessoa agride a si próprio, na escala celular. Nas organizações humanas - numa cidade, ou numa empresa, por exemplo - cada indivíduo cumpre uma função social: umas pessoas limpam ruas, outras dirigem ônibus, outras constroem casas, outras dão aulas nas escolas, outras fazem as leis, outras julgam e condenam, etc. Nessa distribuição coletiva do trabalho existe um importante grupo de pessoas cuja função é de defender a todos contra assaltos, roubos, terrorismos, etc. Essas pessoas se chamam "policiais". Pois bem, o corpo humano é parecido com uma cidade, na qual os seus habitantes são as células, com algumas delas fazendo o papel de "defensores dos inocentes". Quando alguma bactéria ou vírus invade nosso organismo, nossas células de defesa usam suas armas, que são chamadas "anti-corpos", para destruir os assaltantes, os bandidos, os terroristas. As doenças "auto-imunes" surgem quando, e ainda não sabemos a razão pela qual isso acontece, nossas células policiais começam a usar suas armas para atacar nossos habitantes inocentes, nossas células "comportadas", trabalhadoras, normais. É como se nossos policiais 👮 de repente virassem bandidos 👩🏻‍💻, começando a matar e a roubar os seus irmãos, àqueles aos quais deveriam proteger. Tipo, assim o que estão fazendo muitos dos nossos políticos 😖.
A cada dia aumenta mais a ocorrência das doenças auto-imunes, tais como o Lúpus, a Esclerose múltipla, a Artrite reumatóide, o Vitiligo, as Tireoidites e muitas outras. O diagnóstico preciso dessas doenças é muito difícil. E seu tratamento ainda mais.
Para diagnosticar tais enfermidades os especialistas fazem uso do FAN, que significa Fator Anti-Nuclear. Ou seja, um exame que diz se estamos produzindo anticorpos que atacam o núcleo (algo como o cérebro) das nossas células. Existem várias tipos de anticorpos, ou seja de FANs, que podem atacar grupos específicos de nossas células: células dos olhos, ou dos rins, ou da pele, etc.
Para fazer o exame de FAN os médicos retiram um pouco do nosso sangue e misturam essa amostra com uma substância florescente, tipo um corante celular. Em seguida, os patologistas identificam quais as partes das nossas células estão sendo agredidas, pois eles aparecerão brilhantes ao microscópio: se é o núcleo, se é o nucléolo (onde se faz a síntese das proteínas), as mitocôndrias, o citoplasma (um material que circunda o núcleo), ou se é a membrana (a parede que envolve a célula). Se nada brilhar, o exame será normal. Se algum de tais componentes celulares brilhar, o exame será considerado positivo para aquele elemento celular. Mas a coisa é mais complicada, porque algumas vezes um pequeno número de células apresentam brilho em seus componentes e nem assim o resultado poderá ser considerado positivo.
Concluindo: se seu resultado foi positivo para "nucléolo reagente" significa que seus anticorpos estão atacando os nucléolos das suas células.
Agora o seu médico, que precisa entender muito dessas enfermidades, vai interpretar e correlacionar esse achado laboratorial aos resultados de outros exames e aos seus sinais e sintomas clínicos, para chegar a um diagnóstico que permita dar um nome à sua doença. De posse desse nome, o especialista irá buscar na literatura médica um esquema de tratamento que seja mais eficaz para o seu caso, mesmo sabendo que cada paciente se comporta à sua maneira, quando submetido aos medicamentos. Muitas vezes um esquema de tratamento começa a obter controle da doença e depois de algum tempo já não funciona mais e os sintomas recomeçam.
Enfim, leia muito sobre sua doença, seja tolerante e paciente com você mesma e com seu médico, administre os efeitos adversos dos corticoides, faça caminhadas, natação, pratiquei um esporte, leia muito e se prepare para uma longa batalha contra você mesma.
2 curtidas (Curtir)
#8121
03/04/2014
03/04/2014
EVITE BEBER ÁLCOOL UM DIA ANTES E DOIS DIAS DEPOIS DA INGESTÃO DO MEDICAMENTO.
196 curtidas (Curtir)
#10778
21/09/2014
22/09/2014
POIS DIZ AÍ: POR QUANTO VENDESTE TEU JUÍZO??
279 curtidas (Curtir)
#17188
17/09/2015
17/09/2015
Pelo que me disseram foram os próprios estagiários que escolheram aquele local. Esse é um dos riscos da democracia...
6 curtidas (Curtir)
#11070
09/10/2014
09/10/2014
RESULTADO POSITIVO. VOCÊ TEM INTOLERANCIA À LACTOSE. FUJA DO LEITE E DE SEUS DERIVADOS.
24 curtidas (Curtir)
 1 2 3 4 5 >  Última

Nossos Videos

Workshop sobre Colaboração - a vida e o sucesso das organizações


Veja todos os videos

Medimagem

Teresina - Piauí


10.053.771
Acessos

39.579
comentários

9.436
respostas

Nossos Vídeos

Workshop sobre Colaboração - a vida e o sucesso das organizações


Veja todos os videos