(86) 3131-1234
****

NOTíCIAS

Sedentarismo causa 90% das lombalgias em jovens e adultos

O sedentarismo é hoje um dos principais fatores de risco para doenças graves.

Tamanho da letra:
A
A
Publicado em: 15 de maio de 2009

De acordo com estimativas da Organização Mundial de Saúde, cerca de 80% das pessoas de todo mundo sentem ou sentirão dores nas costas. Na maioria dos casos, a culpada é a má postura. Aquela sensação de carregar o mundo nas costas desaparece quando se aprende a maneira correta de dormir, sentar e andar.

Oito em cada dez pacientes que procuram médicos ortopedistas reclamam de problemas na coluna. A principal queixa é a lombalgia, a famosa ?dor nas costas?. O ortopedista do Beneficência Portuguesa de São Paulo Edmond Barras, explica que a doença é comum em jovens e adultos e as principais causas estão relacionadas ao modo de vida dos pacientes.

Para Barras existem alguns denominadores comuns que causam as dores nas costas: ?Um é a vida sedentária. Os outros são a obesidade e a má postura. Somando esses problemas, encontramos 90% das causas da lombalgia?, explica o especialista.

O sedentarismo é hoje um dos principais fatores de risco para doenças graves. A correria do dia a dia, a falta de tempo para o lazer, a evolução tecnológica e a opção, cada vez mais frequente, pela substituição das atividades físicas por facilidades automatizadas, contribuem para o desenvolvimento de uma população cada vez mais sedentária.

No caso da lombalgia, o sedentarismo contribui para o aumento das dores musculares além de prejudicar as articulações que podem atrofiar por falta de uso, causando desconforto.

O tratamento da lombalgia está relacionado ao tipo de dor e a causa, explica o especialista. ?Tão ou mais importante que manter a postura ereta durante o dia é fazer o alongamento da coluna e dos músculos constantemente?, complementa Barras.

Entre os problemas associados ao sedentarismo estão ainda a hipertensão arterial, o aumento do colesterol, o risco de obesidade, além das doenças cardiovasculares, o diabetes e até alguns tipos de câncer como o do colo, do reto e da mama.

A prática de exercícios físicos regulares, no mínimo 30 minutos diários, e algumas mudanças de atitudes podem diminuir em 50% o risco de males ligados ao sedentarismo, além de preservar o bem-estar físico e psíquico.

Veja abaixo algumas atitudes simples que você pode adotar para deixar de lado o sedentarismo:

1. Evite usar o elevador ou a escada rolante. Use a escada;

2. Deixe o carro na garagem para ir caminhando a lugares próximos de casa ou do trabalho, assim, além de contribuir com a sua saúde, você ainda ajuda a preservar o meio ambiente;

3. Se você trabalha fora, use a hora do almoço para fazer pequenas caminhadas, e levante-se a cada 30 minutos e caminhe pelo escritório;

4. Esqueça onde guardou o controle remoto da televisão. Levante-se para trocar de canal;

5. Se você utiliza transporte público, desça antes do ponto e caminhe;

6. Faça algumas atividades domésticas como limpar a casa ou passear com o cachorro. Arrumar a cama também ajuda;

7. Nos finais de semana, evite ficar horas à frente da televisão. Deixar o churrasquinho de lado e optar por uma corrida no parque também é uma ótima opção.

 

Fonte: Sentir Bem
Edição: F.C.
15.05.2009

Comentários

Nenhum comentário cadastrado. Seja o primeiro!





Deixe seu comentário

Nome*
Email*
Verificação*
Seu comentário*